quarta-feira, 6 de julho de 2011

A eterna promessa


Foi uma febre nacional, todos o cobiçavam. Sua genialidade era citada em todos os programas esportivos. Comparações com rei do futebol, algo que sempre achei exagerado.

Mais para um torcedor corintiano vítima de oito pedaladas é suspeito criticá-lo. Estou falando de Robinho, todos devem lembrar quando ele surgiu.

O estopim na sua carreira sem dúvidas foram as pedaladas inacabáveis sobre o Rogério, lateral-direito do Corinthians, na final do brasileirão de 2002.

Após o título, o Santos virou um Supermercado, quem tivesse mais dinheiro apanhavam seus atletas. Apanhar no sentido "colheita feliz".

Até aí tudo bem, futebol é assim.

Os sanguessugas do Real Madrid já estavam de olho, não demorou muito e a Europa lhe aspirou. A maior venda do futebol Brasileiro, 30 milhões de dólares.

Em 2005, quando saiu do Santos, Robinho era o melhor jogador do futebol brasileiro disparado. Infelizmente no Real não teve uma sequência de jogos para apresentar seu belo futebol ao mundo.

O técnico era Fábio Capello, que tem algo contra os brasileiros. Robinho sentou-se no banco igual a todos os brazucas que trabalharam com Capello no Real. Eis que o inferno piora, com a saída de Capello e a contratação do alemão Bernd Schuster.

Robinho ainda no banco esqueceu o que é jogar futebol. Chegou a convocar uma coletiva e anunciar que gostaria de ser vendido para o clube Manchester City. Em 2008, seu desejo foi realizado, chegou à equipe do City voltou a jogar bem, mas a comissão técnica mudou e seu futebol também.

Com a chegada do técnico Roberto Mancini, e a queda de produção do atleta a equipe Inglesa resolveu emprestá-lo ao Santos. Empréstimo coincidentemente logo após a acusação de estupro sobre uma garota em uma boate em Leeds.

Novamente ao time da baixada com uma nova turma mais talentosa que sua geração, Robinho faturou o Paulistão e a Copa do Brasil 2010. Voltou à Europa dessa vez ao Milan e vem jogando como um jogador comum.

Comum que fique claro nada de "esplendoroso".

Com a amarelinha, foi o homem de confiança de Dunga, mas há tempos não tem jogado absolutamente nada. Na era Mano nem deveria ser convocado, muito menos ser o titular.

13 comentários:

  1. Também tenho sentido muita falta do Robinho dos velhos tempos; aliás, dos velhos tempos no futebol inteiro. Creio que a pressa em considerar definições o que ainda é promessa pula etapas para esses meninos, antigamente menos cobrados e, consequentemente, mais livres para amadurecer a seu tempo. Beijos auriverdes e sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito do texto, amo esportes néah, estou seguindo
    passa la no meu

    http://linekerpablo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Textos bacanas, blog também muito bacana, parabéns!
    Sucesso, Beijãozão
    www.shairygil.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Texto bacana conquista até quem não é muito fã de futebol. Acho que Robinho foi superestimado, criaram-se tantas expectativas que ele próprio não foi capaz de responder. Talento ele tem, mas brilhante ele não é.

    abraço,
    www.todososouvidos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. O Brasil exporta jogadores bons e eles se estragam lá fora. O Robinho mesmo, eu já nem lembrava dele.

    ResponderExcluir
  6. Robinho é uma eterna promessa mesmo. Joga, mas agora sem destaque. Ganso é muito mais que ele. Neymar também. Concordo, Robinho nunca deveria estar no time de Mano. Ele sempre se achou mais estrela do que realmete é.
    Parbéns pelo blog,
    Também sou estudante de jornalismo e assim como vc falou, tambeém tenho "muita vontade de fazer jornalismo com credibilidade."
    beijos,
    Raquel (Pensamentos e Opiniões)
    http://jornalkell.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Retribuindo a visita.. Vc escreve muito bem. Parabéns pelo blog! Beijo grande.

    http://angelmartinss.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Realmente ele representou muito para o futebol, mas tem sido apagado pelas novidades e infelizmente é assim que funciona entre as estrelinhas do gramado.

    ResponderExcluir
  9. Têm certos jogadores que quando começam a ganhar muito dinheiro, se esquecem pra que são realmente pagos.

    http://duo-postal.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. olha so.. da p vc ter uma coluna sobre futebol .. XD

    não gosto d futebol, mais vc ecreveu muito bem sobre ele. hahaha
    futebol e coisas do generos.
    hey. tem como vc vim p tatuape dia 16??
    encontro de blogueiros.

    ResponderExcluir
  11. Gustavo Sanches Romão7 de julho de 2011 18:36

    Fala Dan.

    Parabêns pelo blog, esta cada dia melhor.

    Estou acompanho sempre, mesmo sem você saber...rs

    Um grande abraço do seu irmão mais velho.

    Obs: Algumas sugestões de entrevista.
    1° Entrevista com o Jose Carlos (JC Moraes) e o futuro do São Bento. Ele que pode assumir a diretoria do clube e acabou de arrendar o campo do altetico de sorocaba.
    2° O Tio da Bianca é secretário geral da OAB de Sorocaba, esta encabeçando o processo do CHS de Sorocaba e todo o rolo que esta ocorrendo com os médicos. Qualquer coisa me fala e ponho você em contato.
    3° Entrevista com o DCE Capucho da Uniso, tenho informações que o movimento estudantil esta uma vergonha em nossa cidade! O DCE da Uniso esta mais próxima do PSOL do que do PT, ou melhor o PT em Sorocaba esta muito fraco!
    Dan se você tiver tempo procura o pessoal do DCE da Uniso tenho certeza que você não vai se arrepender. Pessoal Nota Mil e muita luta pelo movimento estudantil! A UFSCAR esta com um DCE muito forte e atuante na cidade.

    Quando quiser conversamos sobre varios temas para você refletir um pouco.

    Mais uma vez,

    Um forte abraço

    Gustavo Sanches Romão (Gu)

    ResponderExcluir
  12. Penso que pode acontecer o mesmo com Neymar.Muita mídia dá nisso.Todos dizem que vc é um Deus e vc acredita.Depois percebe que se não correr muito e não fizr gol é um simples mortal.
    Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir